Revista GGN

Assine

Romério Rômulo é professor de Economia Política da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), em Minas Gerais. Entre seus livros de poesia publicados estão "Tempo Quando", "Matéria Bruta" e "Per Augusto & Machina". É um dos fundadores do Instituto Carlos Scliar, com sede no Rio de Janeiro.

traço que me fala / em mão e mágoa
0 comentários
se acaso a tua dor em mim doesse / e eu, vão, na tua pele então ficasse / e um tiro de paixão me derretesse.
0 comentários
a mão firme se enterra / no meu pescoço.
0 comentários
e se eu me mantiver morto e escasso / eu que sou filho de um anjo torto?
1 comentário
ovos, ovais, ovalados / no meu vestido bordado / por mucamas em sangria
4 comentários
eu me deixei no mar mais do que pude
0 comentários
todo sábado amanheço / com o coração duro e fundo / dos amores que padeço.
0 comentários
pelos planaltos idos de não ser / entrego o olhar em doces emboscadas / por todos que a mim hão de querer
2 comentários
manuelzão traz cavalos numa peia / com as éguas, estrelas do desvão.
1 comentário
no adro do tempo / nem meu coração tremido / vai bater.
3 comentários