Revista GGN

Assine

Religião

Lista de Livros: Bíblia Sagrada – Livros Proféticos

Seleção de Doney

Lista de Livros: Bíblia Sagrada – Livros Proféticos

Editora: Paulus

ISBN: Bíblia do Peregrino (BPe) – 978-85-349-2005-6 / Bíblia de Jerusalém (BJ) – 978-85-349-4282-9 / Bíblia Pastoral (BPa) 978-85-349-0228-1

Tradução, introdução e notas (BPa): Ivo Storniolo e Euclides Martins Balancin

Tradução (BPe): Ivo Storniolo e José Bortolini

Notas (BPe): Luís Alonso Schökel

Opinião: N/A

Páginas: BPe – 629 / BJ – 456 / BPa – 273

Livros Proféticos: Isaías, Jeremias, Lamentações, Baruc, Ezequiel, Daniel; Oséias, Joel, Amós, Abdias, Jonas, Miquéias, Naum, Habacuc, Sofonias, Ageu, Zacarias e Malaquias.

“Ai daqueles que procuram esconder-se de Javé

para ocultar seus próprios projetos.

Agem nas trevas, dizendo:

“Quem nos vê? Quem nos conhece?”

Que desatino! Como se o barro

se considerasse oleiro,

como se a obra dissesse daquele que a fez:

“Ele não me fez”,

como se o vaso dissesse do oleiro:

“Ele não me entende”.”

(Is 29,15-16 – BPa / BPe)

*

Leia mais »

Média: 3.7 (3 votos)

O Candomblé e todas as religiões gritam: conhece-te a ti mesmo!, por Jefferson Viscardi

O Candomblé e todas as religiões gritam: conhece-te a ti mesmo!

por Jefferson Viscardi

Resposta de Jefferson Viscardi a um pedido de esclarecimento.

Buscador: Querido Jefferson, o que quer dizer ser filho de Ogum com a licença de Oxalá?

Jefferson Viscardi: O Candomblé é uma religião cujos mistérios pertencem àquelas pessoas que dedicaram muitos e muitos anos de suas vidas para entender na prática quem são os Orixás e como regem a existência humana. É, ao mesmo tempo, uma ciência linda e respeitável.

É engano, portanto, acreditar que a resposta de alguém em quem você confia possa trazer o verdadeiro conhecimento ou a real visão que só o tempo, a dedicação, a humildade e a determinação de ir fundo no que se deseja saber podem revelar.

Leia mais »

Média: 3.7 (9 votos)

Ensino religioso que privilegia católicos é desrespeito ao ECA, diz Hédio Silva

Escolas públicas de ensino básico em vários municípios brasileiros receberão a visita do Ministério Público com o objetivo de averiguar a qualidade do ensino e as condições dessas escolas (Elza Fiúza/Agência Brasil)
De acordo com o questionário da Prova Brasil de 2015, respondido pelos diretores das escolas brasileiras, cerca de 3% das escolas aplicam o modelo confessional - Foto: Elza Fiúza/Agência Brasil
 
Jornal GGN - A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de autorizar o ensino religioso de natureza confessional nas escolas públcias foi um "desrespeito" a tratados internacionais do qual o Brasil é signatário e ao Estatuto da Criança e Adolescente (ECA). 
 
A visão é de um dos mais especialistas juristas na área, o doutor em direito constitucional Hédio Silva Júnior, que atua no Supremo em causas ligadas à religiões de matriz africana. Para ele, a decisão da Suprema Corte "confundiu duas coisas distintas" e "as religiões minoritárias ou o segmento laico e agnóstico serão inevitalmente prejudicados", enquanto irá priorizar "religiões com intimidade com o poder".
Média: 4.5 (4 votos)

Estudando apometria com um preto-velho: Parte 1, por Marcos Villas-Bôas

Estudando apometria com um preto-velho: Parte 1

por Marcos Villas-Bôas

Tratamos rapidamente em textos anteriores da apometria e prometemos estudá-la. Deparamo-nos, então, com alguns trabalhos interessantes acerca do tema e, sobretudo, com um diálogo realizado em 2013, via médium Camila Weinmann, com um dos Espíritos que se manifestam no arquétipo Pai Joaquim de Aruanda, conforme segue:

Leia mais »

Média: 5 (1 voto)

Espiritismo e outras religiões podem levar ao céu ou ao inferno, por Marcos Villas-Bôas

Espiritismo e outras religiões podem levar ao céu ou ao inferno

por Marcos Villas-Bôas

O Espiritismo e outras religiões podem levar, a depender do seu uso, as pessoas ao céu ou ao inferno. Tudo dependerá de como elas irão vibrar após estudar e / ou praticar essas religiões.

Primeiro, desmitifique-se a existência de um céu ou de um inferno, tal qual “vendido” pelas religiões. Há farta literatura e diálogos com os Espíritos gravados em vídeo que demonstram haver diferentes dimensões de realidade e graus de consciência, como, aliás, já propõem há décadas os estudiosos da Transdisciplinaridade com base em substanciais argumentos científicos, sobretudo da Física.

Leia mais »

Média: 3.4 (22 votos)

Traficantes de Jesus: Contra a territorização evangélica de qualquer lugar

Imagens retiradas do YouTube - Os vídeos podem ser buscados por 'traficantes de jesus'

Sugestão de Almeida

da Caros Amigos

Contra a territorização evangélica de qualquer lugar

Por Fábio Py

As cenas de traficantes da região da Ilha do Governador, do Morro do Dendê, no Rio de Janeiro, que gravaram um vídeo mandando o povo de terreiro destruir seus próprios símbolos são para amedrontrar. Formam imagens e sons de uma apologética de medo patrocinada pela arma na mão. Sobre isso não se pode relativizar.

Mesmo com as muitas das muitas imagens e mais imagens de violências que chegam pelos noticiários, pelas mídias, a ação dos traficantes armados mandando os próprios povos de terreiros a destruir seus templos e apetrechos religiosos de matriz africanas são simbólicas e também mostram uma perspectiva de higienização territorial dessa nova onda de evangélicos. 

Leia mais »

Média: 4.2 (10 votos)

Os limites da intolerância religiosa no Rio de Janeiro, por Matê da Luz

Os limites da intolerância religiosa no Rio de Janeiro

por Matê da Luz

Atos infelizes e de apertar o coração da humanidade (deveria ser isso mesmo, algo que comove a todos, tamanha violência sem justificativa alguma) vêm acontecendo descaradamente no Rio de Janeiro de alguns meses pra cá. Escrevo descaradamente porque a violência e discriminação contra as práticas religiosas com origens negras acontecem rotineiramente, com maior ou menos força - não é raro para nós, os praticantes dessa fé, ter intimidade com a palavra preconceito, muito pelo contrário: tantos de nós, como no meu caso (brancos, privilegiados e por aí vai...) temos a oportunidade de conhecer o que é preconceito por conta desta escolha. 

Leia mais »

Média: 2 (2 votos)

A caridade sob o olhar dos Espíritos, por Marcos Villas-Bôas

Foto de obra da Lucimary Toledo

A caridade sob o olhar dos Espíritos

por Marcos Villas-Bôas

Allan Kardec disse, numa nota publicada ao final do item XXVIII das mensagens dos Espíritos publicadas ao final de O Livro dos Médiuns, na página 564, no caso da versão utilizada pelo autor, que:

“A melhor garantia de que um princípio é a expressão da verdade se encontra em ser ensinado e revelado por diferentes Espíritos, com o concurso de médiuns diversos, desconhecidos uns dos outros e em lugares vários, e em ser, ao demais, confirmado pela razão e sancionado pela adesão do maior número”.

Com brilhante mente filosófico-científica, que, segundo alguns Espíritos contam, chegou a visitar o Planeta Júpiter em sua preparação antes de encarnar, havendo mantido contato com a civilização de intelectualidade e ciência mais desenolvida em todo o nosso Sistema Solar, Kardec sabia do risco de os Espíritos estarem errados, propositalmente ou não, e de o médium interferir na mensagem, propositalmente ou não. Assim, para ele, apenas com respostas repetidas num mesmo sentido, via diferentes médiuns, que não se conhecessem entre si, poder-se-ia ter maior confiança na veracidade delas.

Leia mais »

Média: 2.8 (13 votos)

A ilusão do outro, por Jefferson Viscardi

A ilusão do outro

por Jefferson Viscardi

Resposta de Jefferson Viscardi* a um pedido de esclarecimento

BUSCADOR: Querido Jefferson, eu venho pensando muito na questão do Deus estar também dentro de nós, e não fora, e sobre como as religiões podem causar prejuízos por convencerem as pessoas de que há um Deus personificado, externo e punitivo. Os seus diálogos falam muito sobre isso, inclusive. Os espíritas acham que eles não propagam essa visão, mas O Livro dos Espíritos é claro no começo dele, quando rebate o Panteísmo, ao dizer apenas que Deus é causa, que é o criador etc., sem observar que também está dentro de cada um, que somos co-criadores. Acho que a intenção era colocar o ser humano em posição de humildade, como uma das respostas indica, mas termina não resolvendo o problema criado pelas religiões cristãs. O que acha?

JEFFERSON VISCARDI: A intenção do Diálogo com os Espíritos é criar a ambientação para que o amor seja o alicerce. Então, sobre bases bem estruturadas as pessoas podem construir o que for cabível viver, até que as experiências e o aprofundamento rasguem o véu da ignorância que a todos nós acomete, para novos horizontes; sempre porém, com serenidade.

Leia mais »

Média: 5 (1 voto)

Ciência Espírita, Psicologia e Autoconhecimento, por Marcos Villas-Bôas

Ciência Espírita, Psicologia e Autoconhecimento

por Marcos Villas-Bôas

Todo ser humano busca, em regra, a felicidade, mas a grande maioria não sabe onde encontrá-la. Pensa-se que ela é a simples satisfação dos desejos materiais: ter a mulher ou o homem mais bonito ao lado, ter o melhor apartamento, ter o melhor carro, ter as melhores roupas, ter mais conhecimento. Ter, ter, ter... Ter todas essas coisas pode trazer prazer e não se quer demonizá-las de forma alguma.

Ao se tratar de questões morais, espirituais e afins, que costumam ser muito complexas, é necessário, como sempre defendemos neste blog, fugir dos extremos. A beleza física não é tudo, é mais superficial do que a beleza interior, mas tem a sua importância neste plano material, físico, sustentando muitas relações afetivas, sobretudo no início, por meio da atração, da química e de um melhor sexo. Ter bens materiais garante saúde financeira, dá mais segurança e permite ao ser que possa ajudar mais pessoas.  

Leia mais »

Média: 3.2 (12 votos)

A temática religiosa na escola: algumas considerações sobre o direito de aprender

A temática religiosa na escola: algumas considerações sobre o direito de aprender

por Claudio Santana Pimentel

Volta à discussão, com a retomada da audiência sobre a constitucionalidade do Ensino Religioso (ER) na escola pública, o espinhoso tema de como (e se é possível) discutir a temática religiosa na escola. Além da pertinência pedagógica do tema, a verdade é que, junto com ele, interesses que não necessariamente o do estudante são colocados em pauta. Mais do que a existência de uma entre tantas disciplinas escolares, deveria estar em primeiro plano a questão: de que maneira o conhecimento sobre as religiões é importante para a formação cidadã do estudante?

Importante lembrar, que o conhecimento sobre religiões pode estar presente no ER, mas certamente não se encontra apenas nele. As religiões como fenômeno social, histórico e cultural podem emergir e emergem no cotidiano escolar, como argumentarei a seguir.

Leia mais »

Média: 2.7 (7 votos)

Lista de Livros – Bíblia Sagrada: Provérbios, Eclesiastes, Cântico dos Cânticos e Sabedoria

Seleção de Doney

Lista de Livros – Bíblia Sagrada - Livros Sapienciais: Provérbios, Eclesiastes, Cântico dos Cânticos e Sabedoria

Editora: Paulus

ISBN: Bíblia do Peregrino (BPe) – 978-85-349-2005-6 / Bíblia de Jerusalém (BJ) – 978-85-349-4282-9 / Bíblia Pastoral (BPa) 978-85-349-0228-1

Tradução, introdução e notas (BPa): Ivo Storniolo e Euclides Martins Balancin

Tradução (BPe): Ivo Storniolo e José Bortolini

Notas (BPe): Luís Alonso Schökel

Opinião: N/A

Páginas: BPe – 163 / BJ – 120 / BPa – 62

“Quem corrige o zombador, atrai o seu desprezo; e quem repreende o injusto, atrai o insulto. Não repreenda o zombador, porque ele odiará você. Repreenda o sábio, pois ele lhe agradecerá. Dê um conselho ao sábio, e ele se tornará mais sábio ainda. Dê instrução ao justo, e ele aprenderá ainda mais.”

(Pr 9, 7-9 – BPa)

*

“Beleza numa mulher sem juízo é como um anel de ouro no focinho de um porco.”1

(Pr 11,22)2

1: O anel no nariz era ornamento feminino, Gn 24-27. O porco era nojento para os hebreus. (BPe)

2: Esta tradução, com a qual me deparei anos atrás em uma leitura solta, é mais interessante que a das três Bíblias que estou lendo, portanto, foi a adotada.

*

“Cada um se satisfaz com aquilo que fala, mas receberá conforme aquilo que faz.”

(Pr 12,14 – BPa)

*

Leia mais »

Média: 2.3 (3 votos)

Transreligiosidade: o futuro das religiões, por Marcos Villas-Bôas

Transreligiosidade: o futuro das religiões

por Marcos Villas-Bôas

A religião tem o escopo de ligar o ser ao divino; mas, será que é isso o que muitas delas têm realmente promovido? É preciso esmiuçar os aspectos positivos e negativos das religiões a partir de um melhor entendimento da sua função, o que passa necessariamente por entender como se dá tal ligação do ser ao divino.

Como quase tudo na vida humana, as religiões podem ser empregadas para ascensão ou para estagnação e quedas. Isso dependerá do uso que é feito por cada um, e a forma como elas são apresentadas pelos que estão à frente dos templos, cultos etc. terá grande poder de determinar esse uso que será feito da religião por cada adepto.

Leia mais »

Média: 3.4 (5 votos)

Lista de Livros: Bíblia Sagrada – Livros Sapienciais: Jó

Seleção de Doney

Lista de Livros: Bíblia Sagrada – Livros Sapienciais: Jó

Editora: Paulus

ISBN: Bíblia do Peregrino (BPe) – 978-85-349-2005-6 / Bíblia de Jerusalém (BJ) – 978-85-349-4282-9 / Bíblia Pastoral (BPa) 978-85-349-0228-1

Tradução, introdução e notas (BPa): Ivo Storniolo e Euclides Martins Balancin

Tradução (BPe): Ivo Storniolo e José Bortolini

Notas (BPe): Luís Alonso Schökel

Opinião: N/A

Páginas: BPe – 88 / BJ – 60 / BPa – 31

     “Certo dia, os filhos e filhas de Jó comiam e bebiam na casa do irmão mais velho. Um mensageiro chegou à casa de Jó e lhe disse: “Os bois estavam arando e as mulas pastando perto deles. Os sabeus caíram sobre eles, mataram os empregados a fio de espada e levaram o rebanho. Só eu escapei para lhe contar o que aconteceu”.

     Mal acabara de falar, quando chegou outro e disse: “Caiu um raio do céu e queimou e consumiu suas ovelhas e pastores. Só eu escapei para lhe contar o que aconteceu”.

     Mal acabara de falar, quando chegou outro e disse: “Um bando de caldeus, dividido em três grupos, caiu sobre os camelos e os levou embora, depois de matar os empregados a fio de espada. Só eu escapei para lhe contar o que aconteceu”.

     Mal acabara de falar, quando chegou outro e disse: “Seus filhos e filhas estavam comendo e bebendo na casa do irmão mais velho, quando um furacão veio do deserto, atingindo a casa pelos quatro lados, e ela desabou sobre os jovens e os matou. Só eu escapei para lhe contar o que aconteceu”.

     Então Jó se levantou, rasgou a roupa, rapou a cabeça, caiu por terra, e disse: “Nu eu saí do ventre de minha mãe, e nu para ele voltarei. Javé me deu tudo e Javé tudo me tirou. Bendito seja o nome de Javé!”

Leia mais »

Média: 2.3 (3 votos)

Meu pai Oxalá é o rei, venha me valer, por Matê da Luz

Meu pai Oxalá é o rei, venha me valer

por Matê da Luz

Começa Agosto - o mês do desgosto para tantos, tempo de expurgar para então curar, para outros. Eu, se você acompanha as postagens por aqui, sabe que me enquadro no segundo time. Desgosto, à propósito, não tem mais espaço no meu coraçãozinho. 

Pesquisando aqui (usei até a Barsa, antiquíssima mas que enfeita as prateleiras aqui em casa!) pra entender de onde vem esta má fama que acompanha Agosto.

De acontecimentos históricos infelizes às crendices católicas que dão conta que, durante o mês de Agosto, em determinada época, uma horripilante criatura pairava sobre os céus cuspindo fogo e dizimando populações; em outros tempos, o mês é associado ao martírio de São Bartolomeu, cuja morte foi terrível; e, ainda, segundo a Bíblia, é nesta época do ano que acontece a abertura do inferno por Pedro.  Leia mais »

Média: 3.4 (7 votos)