Revista GGN

Assine

Pequena Fábula, de Franz Kafka

por Jota A. Botelho



"Ah", disse o rato, "o mundo torna-se a cada dia mais estreito. A princípio era tão vasto que me dava medo, eu continuava correndo e me sentia feliz com o fato de que finalmente via à distância, à direita e à esquerda, as paredes, mas essas longas paredes convergem tão depressa uma para a outra que já estou no último quarto e lá no canto fica a ratoeira para a qual eu corro". - "Você só precisa mudar de direção", disse o gato, e devorou-o. (*)



Conclusão:
Nessa República não existe mais esperança para nós. Chegamos ao fundo do poço. Tudo foi nivelado ao juízo de piso. O nosso sustento está preso numa ratoeira, ou seremos devorados pela mão grande - as mãos de gatos. Temos que mudar de rumo já! Chega desse joguinho de gatos e ratos. Afinal, somos homens ou ratos?

(*) Tradução de Modesto Carone, Lição de Kafka, Cia da Letras.
__


 

Média: 5 (8 votos)

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

Excelente autor.

Lí o livro "O processo" de Franz Kafka que vem do Original em alemão: Der prozess. Um livro de romance cercado de suspense por um crime não especificado. Recomendo para quem gosta de livros deste gênero. 

Seu voto: Nenhum

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.